O Facebook construiu um mapa que rastreia os sintomas do COVID-19 por município

Mark Zuckerberg revelou hoje que o Facebook se uniu à Universidade Carnegie Mellon para ajudar a rastrear a propagação de possíveis casos de COVID-19 em todo o mundo – mesmo situações em que não houve um diagnóstico explícito.

Publicidade

A empresa revelou hoje um mapa interativo que rastreia onde as pessoas estão apresentando sintomas do novo coronavírus nos EUA futuramente no mundo, com base em dados de uma pesquisa em andamento que a empresa está executando com Carnegie Mellon.

O mapa é granular o suficiente para permitir que você veja uma porcentagem estimada de pessoas com sintomas de COVID-19 até o nível do município.

Para reiterar, o mapa mostra uma porcentagem estimada de pessoas com sintomas auto-relatados de COVID-19, não casos confirmados.

Ainda assim, o Facebook espera que os dados agregados possam ser úteis para orientação sobre o vírus. Como Zuckerberg coloca:

O Facebook construiu um mapa que rastreia os sintomas do COVID-19 por município

´´Compreender como o Covid-19 está se espalhando é fundamental para os governos locais e as autoridades de saúde pública, pois eles alocam recursos de apoio, como ventiladores e EPIs, e eventualmente decidem quando é seguro começar a reabrir lugares diferentes. 

Os pesquisadores acreditam que esses mapas de pesquisa de sintomas podem ser uma ferramenta importante na tomada dessas decisões.“

 A empresa diz que a pesquisa atualmente inclui uma amostra de usuários com mais de 18 anos de idade nos EUA, mas a empresa planeja se tornar global “nesta semana”, segundo Mark Zuckerberg.

Considerando que é provável que muito mais pessoas tenham sido infectadas do que testadas , e dado que o Facebook tem mais de 2 bilhões de usuários mensais em todo o mundo, os dados podem ser interessantes.

E para atenuar as preocupações com a privacidade, a empresa diz que apenas os pesquisadores da Carnegie Mellon podem ver respostas individuais da pesquisa, o Facebook vê apenas as informações agregadas.

Você pode experimentar o mapa interativo aqui. Pode ser dividido por condados ou regiões de referência de hospitais. O Facebook diz que planeja atualizar o mapa com informações de novos casos diariamente.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

0

Scroll to Top